Google+ Followers

terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Casagrande e Baby do Brasil optam por namoro sem sexo: "Consagração"


Em entrevista ao Fantástico, Casagrande contou que Baby do Brasil tem um papel importante em seu histórico de luta contra as drogas.

Casagrande e Baby do Brasil deram uma entrevista ao Fantástico deste domingo (1). (Imagem: G1)
Casagrande e Baby do Brasil deram uma entrevista ao Fantástico deste domingo (1). (Imagem: G1)

No último domingo (1), o Fantástico (Globo) exibiu uma entrevista com a cantora Baby do Brasil e o comentarista esportivo Walter Casagrande, que assumiram seu namoro e falaram sobre a forma como decidiram desenvolver este relacionamento: de maneira consagrada a Deus.
Namorando já há quatro meses, o casal contou que o primeiro beijo só aconteceu depois de três meses do início da relação.
"Três meses de namoro e a gente deu [o primeiro] beijo na boca", contou Baby.
Casagrande contou que Baby tem uma parte importante em sua história de luta contra as drogas, mesmo que por muito tempo ela não soubesse disso.
"Era uma noite em que eu havia usado muita droga. Ela chegou pra mim e disse: 'No dia em que você encontrar Jesus, essa agonia vai acabar", contou o comentarista, que concluiu se lembrando que anos depois, aconteceu exatamente que Baby disse: ele teve um encontro com Jesus. "Eu precisava falar isso pra ela".
Por coincidência, Baby e Casagrande estavam sendo atendidos pelo mesmo médico. O comentarista já estava tentando um encontro com a cantora há algum tempo para lhe contar sobre a transformação que havia começado em sua vida. Após uma tentativa frustrada de conversar com ela em um show dos Novos Baianos, "Casão" (como é popularmente chamado por fãs e amigos) viu a chance mais uma vez diante dele e decidiu não perde-la mais.
"Eu faço um tratamento ortomolecular de rejuvenescimento e quando eu fui nessa clínica, descobri que o doutor também esteve no show. [Nós conversávamos] e o doutor disse: 'O show foi demais. Inclusive a Baby está vindo aqui agora para falar comigo'. Eu disse: 'O quê? Doutor, vou ficar aqui esperando".

Apoio
Casagrande explicou que até então não havia nenhum sentimento mais forte entre ele e Baby, mas na tentativa de ajudá-lo a se manter longe das drogas, a cantora acabou ganhando um significado muito especial em sua vida. Na época dos jogos Olímpicos do Rio, eles eles começaram a se encontrar.
"Eu saía das transmissões e era só festa. Eu sou um dependente químico. Eu ia ficar a mercê de tudo aquilo que estava acontecendo lá fora sozinho", contou Casagrande.
Para que o ex-jogador não corresse mais o perigo tão grande de usar drogas, Baby o convidou todos os dias para jantar.
"Foi a primeira vez que eu fiz uma grande transmissão esportiva e não tive uma recaída", revelou ele.
Casagrande e Baby com amigos, após culto no qual o comentarista compartilhou seu testemunho. (Foto: Facebook)

A semana de encontros e jantares acabou aproximando os dois e Baby contou que isto a deixou com certo receio.
"Eu senti falta de estar na companhia dele. Mas meu medo era que eu não poderia, de forma alguma, dar bandeira ou me apaixonar. Não posso tomar a frente do Senhor", contou a cantora. "Eu comecei a pedir a Deus para confirmar e Ele ficou em silêncio, rindo de mim".
Casagrande então tomou a iniciativa de ser sincero sobre seus sentimentos com relação a Baby.
"Falei com ela que queria namorar, que estava apaixonado. Aí quando ela me disse que precisava esperar Deus confirmar, eu disse: 'ah não acredito", contou. "Eu tenho certeza que Deus vai deixar".

Escolhendo Esperar
A abstinência sexual é algo que ambos decidiram que faça parte deste namoro, como forma de consagrar este relacionamento a Deus.
"Não é não fazer mais sexo. É esperar para fazer com a pessoa certa, com quem se apaixonasse", explicou Casagrande. "A Baby é muito mais do que sexo pra mim. A relação sexual é um complemento da relação com uma pessoa como ela. Então não está me preocupando, me incomodando".
Baby explicou que, ao contrário do que muitas pessoas imaginam, este tempo sem relação sexual serve ainda mais para um conhecimento mútuo no namoro.
"Essa consagração sexual é importante para que você conheça realmente a pessoa", disse ela.