Google+ Followers

quinta-feira, 28 de julho de 2016

Evidência de peixes no Mar Morto revela cumprimento de profecia bíblica

Cientistas provaram a existência de sinais de vida no mar, conforme previsto em uma profecia bíblica. (Foto: Shutterstock)
   Cientistas provaram a existência de sinais de vida no mar, conforme previsto em uma profecia bíblica. (Foto:        
    Shutterstock)

Quase dez vezes mais salgado do que o oceano, o Mar Morto impede o desenvolvimento de qualquer tipo de vida. No entanto, registros recentes comprovam o surgimento de peixes na região, conforme previsto em Ezequiel 47:8-9.

Quase dez vezes mais salgado do que o oceano, as águas do Mar Morto impedem o desenvolvimento de qualquer tipo de vida — dando lugar apenas a alguns tipos de arqueobactérias e algas. Mas recentemente, cientistas provaram a existência de sinais de vida no mar, conforme previsto em uma profecia bíblica.

O Mar Morto, como o próprio nome indica, é literalmente morto. Qualquer peixe que seja transportado pelo rio Jordão morre imediatamente, assim que desagua neste lago de água salgada.

A Bíblia, no entanto, descreve no Antigo Testamento um quadro muito diferente da região. “Ló viu todo o vale do Jordão, todo ele bem irrigado, até Zoar; era como o jardim do Senhor, como a terra do Egito”, de acordo com Gênesis 13:10.

Porém, a Bíblia relata que a paisagem mudou quando fogo e enxofre destruíram Sodoma e Gomorra, dando lugar à região árida do Mar Morto.

Um pouco mais adiante, no livro de Ezequiel, as Escrituras registram profecias surpreendentes sobre a região.

"Esta água flui na direção da região situada a leste e desce até a Arabá, onde entra no Mar. Quando deságua no Mar, a água ali será saneada. Por onde passar o rio haverá todo tipo de animais e de peixes. Porque essa água flui para lá e saneia a água salgada; de modo que onde o rio fluir tudo viverá”, diz o trecho de Ezequiel 47:8-9.

O nível de água no Mar Morto vem recuando em até um metro por ano. Isto acontece devido à água que está sendo desviada a partir do rio Jordão para fins agrícolas e também por causa da evaporação causada pelas obras minerais do Mar Morto. A queda do nível de água provocou o surgimento de piscinas, que aparecem nas margens do Mar Morto.

Em uma visita à região árida, Samantha Siegel, uma mulher judia que vivia em Jerusalém, descobriu que muitas dessas piscinas estão se enchendo de água doce e peixes. Para comprovar o fenômeno, Siegel produziu um vídeo registrando peixes nadando nas margens do Mar Morto, em uma grande piscina cercada por plantas verdes.

 
"Este é um grande acontecimento, mas infelizmente ninguém está falando sobre isso", disse ela durante a gravação do vídeo.

Em 2011, pesquisadores da Universidade Ben-Gurion, no Neguev, enviou uma equipe de mergulhadores até as profundezas do Mar Morto. Na ocasião, os estudiosos descobriram enormes crateras no fundo do mar, com 15 metros de diâmetro e 20 metros de profundidade. Água fresca fluía a partir dessas crateras, que foram alcatifadas com tapetes de microorganismos, mostrando que o mar não estava totalmente morto.


FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DE BREAKING ISRAEL NEWS



quarta-feira, 27 de julho de 2016

Jogador Thiago Maia supera adversidades e declara: "Jesus morreu por nós e temos que confiar nele"

Com apenas 19 anos de idade, Thiago Maia celebra sua convocação para a seleção brasileira nas Olimpíadas. (Foto: Yahoo)
Com apenas 19 anos de idade, Thiago Maia celebra sua convocação para a seleção brasileira nas Olimpíadas. (Foto: Yahoo)

Convocado para a Seleção Brasileira, o jogador de apenas 19 anos se emocionou ao lembrar as batalhas que teve que enfrentar ainda jovem, como a luta de sua mãe contra o câncer.

Apesar das brincadeiras e o clima descontraído na entrevista coletiva da última segunda-feira (25), o volante do Santos, Thiago Maia também não conteve a emoção e acabou chorando, ao falar das lutas que enfrentou junto à mãe, para vencer uma grave enfermidade: o câncer.

Agora, a caminho dos jogos olímpicos, o volante se lembrou do passado difícil e celebra as conquistas que tem alcançado - como sua convocação para a Seleção Brasileira de Futebol - com apenas 19 anos de idade.

"Quando fui convocado, meu pai se emocionou muito. Ele sempre lutou pelos meus direitos, pelos meus sonhos. Apesar do futebol de Roraima não ser como o de São Paulo, do Rio de Janeiro... eu sofri muito com a minha família. A minha mãe teve câncer, teve pedra no rim e sofreu bastante. Eu fico até emocionado, que é um sonho que estou vivendo desde criança e espero corresponder na seleção", comentou o jovem atleta.

Questionado sobre a possibilidade de ainda existir alguma satisfação em vestir a camisa da Seleção - mesmo após uma série de episódios que decepcionaram a torcida.

"A minha emoção responde à pergunta. Eu sonhei com isso. Vi Robinho, Ricardo Oliveira, Elano e hoje sou eu aqui dando entrevista", acrescentou.

Thiago aproveitou a oportunidade para reafirmar a sua fé cristã e mostrar que ele e sua família têm vencido as batalhas do cotidiano, confiando em Deus.

"Somos evangélicos, muito apegados a Deus. Minha mãe é uma guerreira, que largou a família, estudos e seus trabalhos para viver minha vida. É difícil, hoje os pais fazerem isso. O meu pai e meu tio que trabalhavam e sustentavam a gente. É ter fé no coração, paz no coração. Jesus morreu por nós, temos que confiar nele que tudo dará certo", declarou.



FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DA UOL 

terça-feira, 26 de julho de 2016

"É possível descrever Deus em uma frase?"; Billy Graham responde

Billy Graham é um dos mais conhecidos evangelistas da atualidade. Aos 97 anos, o pastor continua escrevendo artigos e compartilhando do Evangelho com o apoio de sua equipe ministerial. (Foto: Associação Evangelística Billy Graham)
Billy Graham é um dos mais conhecidos evangelistas da atualidade. Aos 97 anos, o pastor continua escrevendo artigos e compartilhando do Evangelho com o apoio de sua equipe ministerial. (Foto: Associação Evangelística Billy Graham)

O evangelista explicou que "Deus é infinito, e nós nunca vamos entender completamente a Sua grandeza neste lado da eternidade", mas destacou que há algo essencial sobre Ele a ser lembrado.

"Seria possível descrever Deus em apenas uma frase?". Essa foi a pergunta que recentemente foi feita por um leitor da coluna de conselhos do Rev. Billy Graham, publicada pelo jornal 'Kansas City Star'.

Respondendo à pergunta, o pastor e evangelista explicou que logicamente, os atributos de Deus não cabem em uma frase.

"De certa forma, não é possível, logicamente, colocar tudo sobre Deus em uma frase", escreveu ele, explicando que uma vez que Deus é infinito, o ser humano não pode compreender o quão impressionante e surpreendente Ele é.

"Deus é infinito, e nós nunca va mos entender completamente a sua grandeza. Não neste lado da eternidade", destacou.

O renomado evangelista explicou como o apóstolo Paulo ficou maravilhado com o intelecto e a glória de Deus em Romanos 11:33-34, quando escreveu "Ó profundidade da riqueza da sabedoria e do conhecimento de Deus ... Quem conheceria a mente do Senhor!?".
Graham explicou que se ele tivesse que tentar resumir tudo o que ele acredita sobre Deus em uma única frase, ele diria:

"Deus nos ama, apesar do nosso pecado e rebeldia - e a prova é que ele enviou seu único filho, Jesus Cristo, ao mundo para torná-lo possível para que nós nos tornássemos parte de sua família para sempre", disse.

O fundador da Associação Evangelística Billy Graham pediu que os leitores a refletissem sobre João 3:16: "Porque Deus amou o mundo que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna".

Graham, em seguida, pediu aos leitores: "Alguma vez você já parou para pensar o quão grande essa mensagem é? Pense nisso: Deus nos ama - apesar da forma como O temos negligenciado como temos nos rebelado contra Ele. Deus nos ama tanto que veio do Céu na pessoa de Seu filho, Jesus, que deu a Sua vida por nós, conforme a Bíblia diz: 'Nisto está o amor, não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que ele nos amou a nós, e enviou seu Filho para propiciação pelos nossos pecados'. "(1 João 4:10).

Como já é de seu costume, Graham convidou os leitores a entregarem suas vidas a Cristo.

"Você respondeu ao amor de Deus, comprometendo a sua vida a Cristo?", perguntou. "Não deixe outro dia passar sem Ele, mas pela fé abra o seu coração e sua vida para Cristo, sem demora".



FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO CHRISTIAN POST 

segunda-feira, 25 de julho de 2016

Imagens da Terra capturadas pela Nasa mostram "a perfeição da obra de um Designer Inteligente"

Planeta Terra. (Imagem: Nasa)
  Planeta Terra. (Imagem: Nasa)


O vídeo possibilita ter mais uma prova da maravilha e perfeição criada pelas mãos de um "designer inteligente", como já apontado pelo cientista Marcos Eberlin em suas palestras.

A Nasa divulgou dias atrás, o resultado de um ano de ação da câmera policromática 'Epic', que está a 1,6 milhão de quilômetros de distância da Terra e captura fotos do planeta a cada duas horas. A primeira imagem foi capturada no dia 20 de julho de 2015.

O objetivo principal do uso da câmera - instalada no satélite Deep Space Climate Observatory - é monitorar o território dos Estados Unidos, possibilitando alertas sobre furacões e outros eventos climáticos.

Confira no vídeo abaixo (em inglês):


No vídeo, o locutor explica as diferentes etapas do ciclo de rotação da Terra, que possibilita mostrar os diferentes pontos de nascer e por do sol, além das luzes com três cores principais - vermelho, verde e azul - que se misturam, formando a aparência do planeta.

Eclipses também podem ser acompanhados durante a captura de imagens.


A Terra é mais nova do que se imagina
O vídeo possibilita ter mais uma prova da maravilha e perfeição criada pelas mãos de um "designer inteligente", como aponta o cientista Marcos Éberlin em suas palestras.


Juntando-se à opinião do professor da Unicamp, o cientista criacionista formado em Física pela Universidade Bob Jones, Carolina do Sul (EUA) e mestrado em Física pela Universidade Clemson, Carolina do Sul (EUA), Adauto Lourenço acrescentou que a Terra, na verdade é mais jovem que os bilhões de anos que as teorias evolucionistas têm associado ao planeta ultimamente.

Segundo o cientista e palestrante, fatores como o constante distanciamento da Lua com relação à Terra ajudam a provar que esta não poderia ter os 4,6 bilhões de anos, como afirma a teoria evolucionista.

O raciocínio apresentado pelo criacionista baseia-se em equações conhecidas pela Ciência e também aceitas pelos próprios evolucionistas, considerando as seguintes evidências: o afastamento medido entre a Terra e Lua (3,82 cm por ano); distância entre a Terra e a Lua (praticamente 384,403 km); oscilação média das marés (0,75cm); tempo de rotação da Terra: (23h56min4,09s).

"Se fizermos um cálculo retroativo, sabendo que ela (a Lua) está se afastando, então, no passado, ela deveria estar pelo menos muito mais próxima da terra. (...) É interessante porque se contarmos há aproximadamente um bilhão de anos, a Lua estaria há menos de 15 mil quilômetros da Terra. Isso implica que se a Terra já tivesse oceanos, a altura média da maré seria e 11.700 metros e sua rotação há praticamente 1,2 bilhão de anos seria de 4h57min. Vida não teria existido nessas condições", concluiu.

"Como falar do planeta Terra há quatro bilhões de anos?", questionou o cientista ao final de sua explanação a respeito do distanciamento entre a Terra e a Lua. O palestrante expôs o fato de não haver a possibilidade de existir vida na Terra há aproximadamente 4 bilhões de anos.

"Sei que existem várias teorias a respeito da origem da Lua. Mas a órbita da Lua em relação a terra é muito circular. Se ela tivesse sido literalmente capturada pela Terra, ela teria que ter uma velocidade muito pequena ao passar pela proximidades da Terra para ser capturada pelo campo gravitacional. Praticamente, os modelos que têm sido utilizados mostram que quatro bilhões de anos não teriam dado tempo nem que ela estivesse na órbita atual", alertou.

"Este é apenas um dos muitos problemas a serem trabalhados, relacionados com a datação. Como explicar vida no planeta terra a 3,5 bilhões de anos? Num sistema como esse, de placas tectônicas com uma proximidade tão grande da Lua, elas se partiriam. Nós teríamos praticamente sistemas que, tecnicamente estariam flutuando dentro de lava / magma", lembrou.

FONTE: GUIAME



domingo, 24 de julho de 2016

Mulher que morreu ao dar à luz e ressuscitou é prova de milagre: “Oro todos os dias agradecendo”


Por Tiago Chagas -

“Oro todos os dias para agradecer”. Essa é uma atitude tomada por uma mulher que morreu ao dar à luz sua segunda filha, e após uma intensa e imediata corrente de oração, ressuscitou para a perplexidade dos médicos.

Melanie Pritchard estava grávida, com oito meses e meio de gestação, e foi ao hospital ao lado do marido, Doug, para alguns exames. A expectativa de que pudesse dar à luz em breve foi substituída pela preocupação em um piscar de olhos.

Quando eles chegaram ao hospital, os sinais vitais de Melanie eram bons e estáveis, mas ela começou a se sentir mal, com uma tontura, que foi seguida por uma náusea. Na sequência, ela desmaiou, e mesmo com a equipe médica agindo rápido, sua pressão arterial e frequência cardíaca só caíam, de acordo com informações do Yahoo!

Quando os médicos confirmaram que o quadro de saúde da mãe começava a prejudicar o da bebê, decidiram fazer um parto de emergência. Nesse meio tempo, a notícia: Melanie havia morrido.
Com o parto em andamento, para salvar a criança, o pai só conseguia orar. Sem poder absorver por completo aquele cenário, ele conversava com Deus, pedindo por um milagre: “Senhor, eu sei que isso é mais do que eu posso suportar, o que significa que Você tem um plano e um propósito para tudo. Eu confio em Você, mas, por favor, se for da Tua vontade, deixe-me abraçar minha esposa novamente”, disse ele em oração.

A notícia se espalhou rápido entre familiares e amigos, que fizeram uma corrente de oração para que Deus pusesse seu plano em ação, qualquer que fosse.

Na conclusão do delicado parto, nasceu Gabriella. O nome é uma variante feminina de Gabriel, originado a partir do hebraico, formado pela união dos elementos gébher, que quer dizer “homem, homem forte” e el “Deus”, e significa “homem de Deus, homem forte de Deus ou fortaleza de Deus”. Logo, Gabriella era uma menina com o nome de “mulher forte de Deus”.

Quando os médicos ainda finalizavam o procedimento de parto, Melanie voltou à vida, e os médicos cuidaram para que ela fosse monitorada, mas anunciaram que ela ficaria com sequelas graves.
De acordo com a avaliação que fizeram, as complicações da cesária exigia uma nova cirurgia, de emergência, para que ela pudesse sobreviver. Antes de reiniciarem os trabalhos, mostraram uma foto de Gabriella à mãe, para que ela se tranquilizasse.

No dia seguinte ao parto, ela já respirava sem ajuda de aparelhos, plenamente consciente. Os médicos permitiram que ela visse novamente a filha caçula, o primogênito, Brady, e o marido, Doug.
Em algumas semanas, ela estava em casa, de alta, completamente saudável, e sem ouvir uma explicação médica que abrangesse todos os pontos desse quadro inusitado. Hoje, dois anos depois, a convicção de Melanie e sua família é que ela é uma prova de um milagre, e por isso, diariamente, ora em gratidão.

Fonte: https://noticias.gospelmais.com.br/