Google+ Followers

quinta-feira, 20 de julho de 2017

Pastor usa Uber para evangelizar passageiros: “No carro eles se abrem mais”

Um pastor decidiu ir além do púlpito da igreja para atrair pessoas para Cristo nas ruas de Nova York.

Kenneth Drayton usa Uber para evangelizar passageiros. (Foto: Angel Chevrestt)
Kenneth Drayton usa Uber para evangelizar passageiros. (Foto: Angel Chevrestt)
Um pastor decidiu ir além do púlpito da igreja para atrair pessoas para Cristo nas ruas do Brooklyn, em Nova York.

O pastor Kenneth Drayton, de 54 anos, transformou seu carro em uma ferramenta de evangelismopara os passageiros.

“O trabalho me permite abrir a porta para a vida aos meus passageiros”, disse Drayton, que muitas vezes vê suas viagens se transformando em salas de aconselhamento. “Minha esperança é iluminar o dia dessas pessoas e dar conselhos”.

A experiência religiosa acontece no momento em que o passageiro se senta no banco de trás. “Eu só deixo tocar música clássica, meu carro é impecavelmente limpo e eles podem sentir a presença de Deus”, disse Drayton.

Durante a viagem, os passageiros logo começam a compartilhar a vida com o pastor. “É aí que as pessoas começam a se abrir e onde entram as habilidades de escutar”, disse Drayton, que é líder da igreja Staten Island’s Christian Word of Hope Ministries.

Em suas viagens, o pastor encontra oportunidades de despertar fé nas pessoas em meio aos problemas. Certa vez, uma mulher contou ao pastor sobre seu filho desaparecido durante um passeio no centro de Brooklyn.

“Seu menino tinha desaparecido há cinco dias e ela estava tentando encontrar ele. Eu disse a ela: ‘Embora não tenhamos controle sobre uma situação, você tem que exercitar sua fé e sua paciência’”, ele lembra.

Outro homem revelou que estava à beira de perder sua empresa. “Ele estava no verde, mas de repente foi para o vermelho depois que entrou uma concorrente. Tudo o que eu pude dizer a ele foi para se envolver com a igreja e aprender a maneira de fazer as coisas de Deus”, conta Drayton. “Experiências como essas realmente me mantém”.

O pastor Drayton fica satisfeito ao ver o resultado de seu trabalho nas avaliações do aplicativo. “Todos os meus comentários são ‘excelente pessoa’, ‘grande conversa’ e ‘inspirador’. Mas eu acredito que o bom trabalho fala por si”, afirmou.

Até mesmo o Uber aprova a atuação do pastor Drayton. “Motoristas parceiros como Kenneth são a mágica por trás do aplicativo”, disse o porta-voz do Uber, Alix Anfang.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DE NEW YORK POST

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Mais de 1.000 adolescentes saem às ruas para evangelizar, na França

A ação evangelística fez parte de um grande encontro de oração pela França e que teve a participação do evangelista Nick Vujicic.

Adolescentes saem às ruas da França em ação da organização 'Bouge Ta France'. (Foto: Facebook)
Adolescentes saem às ruas da França em ação da organização 'Bouge Ta France'. (Foto: Facebook)
Na última sexta-feira (14) a cidade de Le Havre, no norte da França, sediou um grande encontro cristão, chamado "Bouge ta France" ('Mova sua França'). O evento levou milhares de evangélicos franceses a serem ministrados pelo evangelista Nick Vujicic e a orarem por seu país.

Na data em que também se comemora o Dia da Bastilha (Dia Nacional da França), 8 mil evangélicos se reuniram em um estádio para orar pelo país pela manhã e, à tarde, mais de 10 mil já esperavam pela ministração de Nick Vujicic.


Orando pela França
Esta incrível história começou há quatro anos, quando um grupo de cristãos que obteve decidiu organizar um evento juvenil e evangelístico. O dia começou com a famosa banda francesa 'Impact' e sua música de sucesso "Sola Gratia" ('Somente a Graça'), seguido de um sermão sobre o lema nacional "Liberté, égalité, fraternité" (Liberdade, Igualdade e Fraternidade), que inspirou a Revolução Francesa ao final do século XVIII (1789-1799).


Então na época, uma parte importante da manhã foi dedicada à oração, com Franck Meyer, prefeito e presidente do 'Comitê Protestante pela Dignidade Humana'. Os evangélicos ali reunidos oraram pelo país, pelas autoridades, contra o ódio e pela liberdade religiosa.

A fervorosa multidão participou ativamente daquele momento de oração e ainda hoje, os organizadores do evento estão mantendo firme a esperança de ver um despertar espiritual acontecendo na França - um país que atualmente tem sua sociedade extremamente secularizada.


Mais de 1.000 adolescentes evangelizando
De acordo com Patrick Dudas, presidente da Bouge ta France, o evento foi um sucesso em nível global e os organizadores treinaram mais de de 1.000 adolescentes que foram fortalecidos em sua fé para se engajarem em ações de evangelismo.


Os jovens participantes já haviam praticado os ensinamentos na tarde do dia 13 nos arredores de Le Havre, o que era um desafio para muitos deles, pois eles estavam fazendo evangelismo nas ruas pela primeira vez, mas os as pessoas nas ruas geralmente recebiam bem a iniciativa. Eles se concentraram em convidar as pessoas para o evento e ouvir a pregação de Nick Vujicic.


Prontos para compartilhar o Evangelho
Os organizadores disseram que ficaram satisfeitos pelo evento em todo o mundo - mesmo que as questões de segurança tenham sido mais complexas para lidar - e, em particular, as relações com as autoridades foram muito positivas. Os adolescentes agora estão prontos para ir às suas próprias cidades e continuar compartilhando a mensagem do Evangelho, e essa é a segunda parte do evento, com 40 projetos em todas as regiões da França, que serão implantadas até junho de 2018.


No dia 14, o evento Bouge ta France foi transmitido para algumas ilhas francesas no exterior. Muitos puderam ouvir a pregação de Nick Vujicic pela transmissão de vídeo.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO EVANGELICAL FOCUS

terça-feira, 18 de julho de 2017

Uma mulher de coragem

VIETNÃ

Cristã vietnamita compartilha seu testemunho e conta como é a vida da igreja num país onde o comunismo impera
10-brasil-esther-do-vietna
Esther* é uma cristã vietnamita perseguida, que esteve no Brasil dando seu testemunho, entre os meses de abril e maio, e deixou muitos exemplos de vida e também inspiração para a igreja brasileira. Ela e seu marido Daniel* já enfrentaram momentos difíceis por amar a Cristo. Em entrevista à Portas Abertas, ela conta um pouco da sua história.

Ao ser questionada sobre o maior desafio enfrentado pelos cristãos que vivem no país comunista, ela responde: “Manter a fé em Deus em meio à perseguição, porque é bem mais fácil ser apenas um cristão que vai à igreja. Porém, quando você se envolve de verdade, se coloca em perigo. Existem milhares de cristãos em qualquer país, mas ser cristão no Vietnã significa perder a vida”.

Ela também conta que a igreja antes do comunismo era muito fraca se comparada ao que é agora. “Naqueles dias era muito difícil alguém se tornar cristão, Mas hoje, quando você compartilha o evangelho, muitos o recebem. Deus usa situações ruins para mudar o coração de muitas pessoas”, explica. Você pode ler mais sobre a entrevista de Esther na Revista Portas Abertas deste mês, nas páginas 10 e 11. Se você deseja receber a revista mensalmente, clique aqui para mais informações.

Continue orando pela Igreja Perseguida no Vietnã, país que ocupa o 17º lugar na atual Lista Mundial da Perseguição. Por não negar o nome de Cristo, muitas famílias estão vivendo desabrigadas, perderam suas propriedades e enfrentam muita hostilidade tanto da sociedade quanto do governo.

*Nomes alterados por motivos de segurança.

Fonte: https://www.portasabertas.org.br

segunda-feira, 17 de julho de 2017

Menina de 8 anos ora por policiais que tiveram companheiro assassinado

A oração da garotinha por cinco policiais em um restaurante emocionou milhares de pessoas nas redes sociais.

Menina de 8 anos ora por policiais que tiveram companheiro assassinado. (Foto: Reprodução/Facebook)
Menina de 8 anos ora por policiais que tiveram companheiro assassinado. (Foto: Reprodução/Facebook)
A fé de uma garotinha de 8 anos trouxe conforto para cinco policiais, que estavam enfrentando um momento de luto após a morte de um colega de trabalho.

Paige Vazquez estava em um restaurante na cidade de San Antonio, no Texas (EUA) e se aproximou dos policiais para oferecer uma oração. O momento foi registrado pela avó, Martha Bosquez, e viralizou no Facebook.

“Ela se aproximou da mesa e perguntou a eles: ‘Posso orar para que você estejam sempre protegidos e para que Deus possa cuidar de vocês?’ Cada um deles abaixou a cabeça. Quando eles acabaram de comer, um oficial veio até a nossa mesa para agradecer”, contou Martha na legenda da imagem, publicada no dia 5 de julho.

Paige tem o costume de orar pelas pessoas, portanto, para ela sua atitude não foi uma novidade. “Eu sempre oro pelas pessoas e pelos policiais, porque eu sei que às vezes eles têm momentos difíceis e uma pequena oração pode mudar o dia de alguém”, disse a pequena ao site Inside Edition.

Sem ela saber, os policiais realmente estavam enfrentando um momento difícil. Um de seus companheiros do Departamento de Polícia de San Antonio, Michael Moreno, foi morto ao combater uma ação criminosa no final de junho.
“Foi um momento maravilhoso para renovar nossas forças em dias que estão sendo muito duros”, escreveu o departamento policial em sua página no Facebook.

A mãe de Paige, Kat Garcia ficou espantada ao perceber que a atitude da garotinha viralizou nas redes sociais, mas disse que a ação de sua filha não a surpreendeu.

“Eu não estou chocada com o que ela fez”, disse Kat ao Inside Edition. “Ela é muito carinhosa. Ela é muito amorosa. É algo que vem com ela naturalmente. Só fico espantada por ela ser tão nova”.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DE INSIDE EDITION

domingo, 16 de julho de 2017

Mãe entrega Bíblia ao assassino de sua filha: "Pelo poder de Jesus, eu o perdoei"

Leannda Bruck disse que não poderá se esquecer do assassinato de sua filha, mas disse que espera que Jesus restaure a vida do homem que a matou.

Leanda Bruck (esquerda) lê carta, enquanto repassa Bíblia a Clay Daniel (à direita). (Foto: Toledo Blade)
Leanda Bruck (esquerda) lê carta, enquanto repassa Bíblia a Clay Daniel (à direita). (Foto: Toledo Blade)
Um estuprador e assassino condenado no estado de Michigan (EUA) viu a mãe de sua vítima ter uma reação um tanto inusitada no dia em que ele recebeu sua sentença no Tribunal. 

Leannda Bruck - mãe da jovem assassinada por Daniel Clay, de 27 anos - disse no Tribunal que perdoa o criminoso e deu uma Bíblia ao rapaz. Ele disse que não irá dispensar o presente, que marcou o emocionante momento de perdão naquela corte.

Leanda aproveitou a oportunidade para deixar para o assassino de sua filha, uma mensagem de esperança, baseada no próprio Evangelho.

"Senhor Clay, estou te dando uma Bíblia. Jesus veio para restaurar as nossas vidas bagunçadas e espero que você O deixe entrar em sua vida para ajudar a limpar toda a bagunça dela", disse Leannda Bruck ao assassino, enquanto lia uma carta no Tribunal e entregava a Bíblia ao condenado.
Leanda perdeu sua filha Chelsea, quando a moça tinha apenas 22 anos de idade.

A mãe ainda destacou que não foi simplesmente uma força interior dela que a motivou a perdoar Clay, mas sim o poder de Jesus Cristo que a levou a fazer isso.

"Hoje, com a força de Jesus Cristo, eu perdoo Daniel Clay, porque se eu não o fizer, tudo o que aconteceu [assassinato de Chelsea] vai destruir minha vida. Mas perdoar não é se esquecer, porque se eu me esquecesse, iria significar que Chelsea não era importante", disse ela.

Chelsea foi assassinada na noite em que foi a uma festa de Halloween, em 2014. Seu corpo foi encontrado seis meses depois.

"Ainda esperamos que ela entre pela porta dos fundos da nossa casa", disse Leanda sobre sua filha.

Clay foi condenado à prisão perpétua, sem direito a liberdade condicional.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO TUCSON NEWS NOW

sábado, 15 de julho de 2017

O que realmente podemos fazer pelos cristãos perseguidos?

IGREJA PERSEGUIDA

Há várias maneiras de estender a mão aos nossos irmãos na fé, mas, certamente, a mais eficaz continua sendo a “oração”
14-internacional-irmao-andre
Notícias sobre a Igreja Perseguida chegam diariamente e, com elas, um pedido constante por parte daqueles que são hostilizados por causa da fé em Cristo: orem! É tudo o que nos pedem: orações. A igreja no mundo enfrenta grandes desafios e passa por perigos que, muitas vezes, nem podemos imaginar. Nossa família em Cristo nos inspira a viver o verdadeiro evangelho. Acompanhe agora alguns depoimentos de cristãos perseguidos e líderes que lutam para manter a igreja viva em diversos países:

“Orem conosco, pois é isso o que nos dá força. Orem pela paz em nosso país e orem com muita fé, pois temos esperança de que tudo vai melhorar”, disse Sarah, uma cristã perseguida na Síria.

“Orem por nós, irmãos. Estamos pedindo a Deus para que nossos corações sejam capazes de perdoá-los e amá-los, apesar de tudo o que fizeram. Eles tiraram de nós muitas vidas valiosas, de amigos e parentes, tiraram nossas casas, igrejas e comércios, mas eles não podem tirar de nós a fé em Jesus Cristo. Estamos buscando a face de Deus para recomeçar nossas vidas. Que Deus nos ajude a perdoar os muçulmanos”, disse Naga (pseudônimo), um dos líderes da igreja na Nigéria, onde o Boko Haram atua com violência.

“Agora nossa oração é para que as pessoas não sejam capturadas por eles durante os ataques, como já vimos acontecer anteriormente. Oramos pela segurança de todos os estudantes e que eles possam voltar para suas casas. A situação alarmou também os moradores de Mpeketoni. O Al-Shabaab está tentando estabelecer um estado islâmico na Somália e nas imediações. Espero que as forças de segurança nessa área possam controlar a situação. Precisamos de orações, urgente, por favor, intercedam por nós”, pediu um cristão perseguido no Quênia, semana passada, enquanto sua aldeia estava sendo atacada.

Nas palavras do Irmão André, todos são convidados a orar mais e a se envolver com a Igreja Perseguida:

“Este é o tempo de conclamarmos todos a terem coragem. As portas ainda estão largamente abertas e nós ainda podemos ir, se nós tivermos um chamado de Deus e não tivermos nenhum medo de morrer. Sim, as portas ainda estão abertas. E são as suas orações e apoio que permitem nossas equipes transitarem por essas portas e se levantarem em apoio aos nossos irmãos e irmãs perseguidos!” (Irmão André)

Fonte: https://www.portasabertas.org.br/

sexta-feira, 14 de julho de 2017

Homem ressuscita após oração da família na sala de emergência, em Manaus

Os médicos decretaram a morte de Ronaldo Martins, mas ele ressuscitou milagrosamente após a oração de sua família.

Imagem ilustrativa. Homem ressuscita após oração da família na sala de emergência. (Foto: Reprodução)
Imagem ilustrativa. Homem ressuscita após oração da família na sala de emergência. (Foto: Reprodução)
O gari Ronaldo Martins de Souza, de 63 anos, foi testemunha do poder da oração na última terça-feira (11) após ser considerado morto e ressuscitar milagrosamente.

Segundo o médico emergencista Rodrigo Custódio, Ronaldo sofreu uma parada cardiorrespiratória e chegou praticamente sem vida no Serviço de Pronto Atendimento (SPA) Galileia, na Zona Norte de Manaus, no Amazonas.

“Chegou com o coração parado, sem sinais vitais e pupilas dilatadas. Nós imediatamente demos início à massagem de ressuscitação cardiopulmonar (RCP). O quadro clínico evoluiu e começamos a utilizar o desfibrilador. Foi aproximadamente uma hora de reanimação, com ele oscilando entre tendo pulso e não tendo”, contou o médico, segundo o site A Crítica.

Depois de apresentar sinais de morte cerebral, o médico abriu o protocolo de óbito e deu a informação à família. “Foi um desespero. A família entrou na sala de emergência e orou. Depois que saíram, na preparação para retirar os tubos, uma coisa que na medicina a gente não explica, observei nele a presença de pulso”, Rodrigo lembra.

Nesse instante, os procedimentos de reanimação começaram a ser feitos novamente. “Uns 15 a 20 minutos depois o paciente retornou a vida. E voltou avidamente com os parâmetros vitais, pupila normal e pulso forte. Nesse momento, quando houve essa dádiva de Deus, nós restituímos e estabilizamos o paciente”, relata o médico.

De acordo com o genro do gari, José Neto, de 38 anos, o funeral chegou a ser planejado pela família. “Quando recebemos a notícia que ele voltou a ter pulso, mais ou menos meia hora depois, foi um choque. Um colega de trabalho dele chegou a desmaiar e as filhas deles começaram a chorar. Um desespero total e muita alegria”, revelou.

Ronaldo foi transferido para o Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio na manhã desta quarta (12), onde foi diagnosticado com edema cerebral, mas seu quadro clínico é estável. “Confiamos acima de tudo em Deus, pois para Ele nada é impossível”, disse João Neto.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DE A CRÍTICA